Kingo Labs
Universo Holográfico
Home » Ciência » Universo Holográfico: saiba mais sobre a teoria

Universo Holográfico: saiba mais sobre a teoria

E se tudo o que nós conhecemos na verdade nem existe e não passa de uma ilusão? A teoria do Universo Holográfico diz que nem tudo é como parece ser. Ela surgiu em meio a dificuldade de outras teorias físicas se mostrarem úteis em todos os cenários possíveis. O que é um holograma? Como é a verdadeira realidade? Descubra a seguir.

O que é Universo Holográfico?

Universo Holográfico, conhecido também por princípio holográfico, é uma teoria proposta por Gerard ‘t Hooft e aperfeiçoada por Leonard Susskind. Conforme a teoria, toda a informação é guardada em um volume de espaço e quem estiver próximo consegue modelar os eventos que irão acontecer. Essa teoria só leva em consideração os fatos que acontecem dentro das paredes sugeridas, como se fosse algo em 2D.

Quem criou a teoria do Universo Holográfico?

Nascido em 1940, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, o professor universitário Leonard Susskind é conhecido por ter aperfeiçoado a teoria do Universo Holográfico. Ele estudou sobre a teoria das cordas e a teoria quântica de campos. Ao longo da carreira já recebeu diversas premiações por suas contribuições com a ciência.

O que é um holograma?

O holograma é criado pela associação de duas ondas de luz durante a gravação de um item. Ele surge assim que estas duas linhas cruzadas transpassam uma sobre a outra. Assim o objeto pode ser lido por um feixe de laser em diferentes posições, diferente da fotografia comum, eles permitem enxergar a profundidade. Cada uma das partes de um holograma consegue formar a imagem original completa.

Cérebro humano explica hologramas

Mesmo se uma das partes de nosso cérebro for retirada, ainda vamos conseguir nos lembrar daquelas histórias, que não serão perdidas. Esse modelo é o mesmo no qual agem os hologramas. Lá se pegar uma pequena parte de um holograma a imagem poderá ficar embaçada, mas será reconhecível, no cérebro as memórias podem ficar confusas, mas estarão lá.

A memória holográfica serve ainda para explicar porque pessoas com membros amputados sentem dores onde não existe mais membro.

Como o cérebro entende o Universo Holográfico?

O cérebro humano processa a cada segundo inúmeras informações internas, mesmo assim, alguns afirmam que nem tudo está dentro da cabeça e algumas dessas informações podem vir de fora. Por exemplo, o sentimento de amizade é interno, mas o som de uma banda vem de fora. Assim tudo pode na verdade ser imagens tridimensionais, mas nossa cabeça transforma em ilusão e enxerga os objetos de outra forma.

Dois tipos de físicas

Os cientistas ainda não conseguiram conciliar os modelos da mecânica quântica com o da relatividade geral. Essa questão ganha destaque quando os físicos procuram descrever o começo do Universo, por meio do Big Bang. A teoria aponta que tudo o que existe hoje antes estava contida num espaço menor do que uma ervilha. A gravidade quântica tenta unir essas duas vertentes dos estudos.

O desenvolvimento de uma nova teoria

As teorias da relatividade geral e da mecânica quântica trabalham direitinho, mas quando não são colocadas juntas. Atualmente esse é um dos maiores desafios para os pesquisadores, que buscam o desenvolvimento de uma teoria para explicar todo o universo.

Recentemente dois estudos foram publicados, contando com diversos cálculos, sugerindo que o universo é holográfico.

Segundo estes estudos, não existe gravidade desta forma. Embora possa ser estranho pensar assim, essa é uma ferramenta interessante para os físicos teóricos que deste modo podem testar a mecânica quântica e a relatividade geral num mesmo ambiente. Para isso foram feitos cálculos sobre a energia de buracos negros e os resultados foram satisfatórios.

Campos quânticos e o Universo Holográfico

De acordo com a teoria do Universo Holográfico, tudo o que nós conhecemos é composto por partículas. Segundo o livro “A realidade não é o que parece”, de Rovelli, estes campos vivem solo, sem a necessidade de espaço-tempo, já que eles são o próprio espaço-tempo. Dessa forma os pesquisadores conseguem eliminar a possibilidade de um universo existindo de uma maneira tão grande quanto átomos.

A mecânica quântica é compatível com os ensinamentos de Einstein. Os campos quânticos podem existir mesmo sem estarem em um espaço externo. Dessa forma fica provado que o tempo é relativo, conforme mostrado no filme Interestelar, de 2014, mostra um astronauta viajando para outra parte do universo e quando volta ele é mais velho do que sua filha.

Gravidade quântica

O Universo Holográfico está baseado na gravidade quântica, onde cita que eliminando uma das dimensões que conhecemos, é possível eliminar a própria gravidade, facilitando esse tipo de cálculo. Dessa forma os cientistas criaram um modelo com duas dimensões para explicar o início do holograma e entender como ocorreu o Big Bang.

Conforme Science Alert, os pesquisadores ainda estão muito longe de comprovarem que o mundo onde vivemos não passa de um Universo Holográfico. Para o cientista Niayesh Afshordi, da Universidade de Waterloo, esse pode ter sido o começo do mundo: “Eu não diria que você vive em um holograma, mas pode ter saído de um”.

Universo Holográfico e a teoria das cordas

A teoria das cordas não conseguiu ser comprovada devido à falta de recursos experimentais. Segundo este tipo de estudo, o nosso universo é composto por nove dimensões espaciais e uma temporal. É um pouco complicado de entender, mas basicamente todas elas se uniriam formando os tais hologramas que fazem as coisas parecerem real.

Qual o tamanho do Universo Holográfico?

De acordo com pesquisadores, a cada ângulo que olhamos um objeto existe uma imagem diferente. A mesma superfície pode ser representada por milhares de formas. Apenas em um pedaço de 2,54 centímetros de filmes o conteúdo armazenado é maior do que 50 bíblias, onde cada uma delas tem mais de mil páginas.

Teoria do multiverso

Assim que os cientistas conseguirem provar ou descartarem a teoria do Universo Holográfico, devem apontar seus estudos para outra teoria que tem ganhado bastante popularidade, a do multiverso. Estes outros universos podem ser iguais ao nosso, onde existem outras versões minhas e suas, mas com algumas características diferentes.