Kingo Labs
Forest Green Rovers
Home » Aleatórios » Forest Green Rovers: conheça o time vegano

Forest Green Rovers: conheça o time vegano

Já imaginou um time de futebol onde os jogadores não consomem produtos de origem animal? Este é o Forest Green Rovers, equipe que disputa a quarta divisão da Inglaterra. O time tem mais de 100 anos de história e passou por uma transformação radical desde o começo da última década. Quer saber mais sobre essa ideia inovadora? Veja a seguir.

Forest Green Rovers

O Forest Green Rovers é considerado o primeiro time vegano do mundo. Essa prática se concretizou a partir de 2010 quando um empresário chamado Dale Vince comprou os direitos do clube. Os jogadores possuem um cardápio especial e até o estádio recebe tratamento diferenciado. O FGR é uma equipe única no mundo inteiro.

O que é Forest Green Rovers?

Forest Green Rovers é uma equipe de futebol da Inglaterra. Atualmente o time está na quarta divisão nacional, após ter passado mais de 100 anos disputando torneios amadores. A equipe ganhou destaque mundial depois que passou a fazer parte do game FIFA, sendo uma das opções jogáveis.

 

Quando foi fundado o Forest Green Rovers?

O Forest Green Rovers foi fundado em 1889, na cidade inglesa de Nailsworth, no condado de Gloucestershire, na região Sudoeste do país. Foi somente em 2017 que o país conseguiu acesso a League Two, a quarta divisão do país. Desde então, é considerado o primeiro time vegano do mundo.

Disponível no FIFA

O Forest Green Rovers é uma das mais de 700 equipes disponíveis no FIFA 19. A equipe está presente no game desde a versão lançada em 2017, o FIFA 18, quando o time passou a disputar a League Two. É uma alternativa interessante para quem gosta de pegar times pequenos e transformar em potenciais continentais.

Como é o estádio do Forest Green Rovers?

O Eco Park é o estádio do Forest Green Rovers. Ele foi inaugurado em 2006 e tem capacidade para 5.032 torcedores. For planejado para ajudar a colocar fogo no jogo. Chama atenção o estacionamento, que conta com estações de fornecimento de energia, possibilitando que os torcedores com carros elétricos possam recarregar as baterias enquanto torcem pela equipe.

A grama do Eco Park é orgânica e adubada com algas marinhas, em vez de esterco de animais. O sistema de irrigação do gramado possui água reaproveitada da chuva, mantendo o campo em ótimo estado. Os responsáveis pela manutenção retiram as ervas daninhas utilizando as mãos, sem a aplicação de herbicidas e outros produtos químicos.

O dono do clube

Em 2010 o empresário Dale Vince comprou o Forest Green Rovers. Ele atua no ramo de energia limpa, sendo o dono de uma companhia que produz energia eólica e solar. Tem três filhos e montou o seu primeiro parque eólico em 1991, quatro anos depois fundou a sua empresa, Renewable Energy Company, lançando uma inovadora turbina eólica no ano seguinte.

O primeiro time vegano do mundo

Três meses depois de ter comprado o Forest Green Rovers, Dale Vince se tornou o presidente do clube. Em fevereiro de 2011 proibiu os jogadores de comerem carne vermelha por motivos de saúde, o alimento também deixou de ser servido aos funcionários. Quatro anos mais tarde foi a vez de peixes e produtos lácteos deixarem de ser servidos.

Os atletas são orientados para que sigam uma dieta vegana mesmo fora das dependências do clube, embora possam comer o que desejavam. A maioria dos atletas que defendem a equipe aderiram a este estilo de vida e não se arrependeram das mudanças. Evitar carnes vermelhas fez com que os atletas pudessem melhorar fisicamente.

Por que o FGR é vegano?

A equipe foi a primeira do mundo a adotar práticas do veganismo, trazendo diversos impactos ambientais. Os torcedores que frequentam o Eco Park recebem alimentos mais saudáveis e saborosos durante as partidas. A comida vegana é produzida na hora, sendo mais interessante do que os hambúrgueres processados.

Enquanto isso, mais de 80% das terras agrícolas são ocupadas por gado, sendo que estes produzem somente 18% das calorias necessárias e 37% das proteínas alimentares. São medidas tomadas pelo dono e presidente do clube, que tem uma visão de mundo inovadora e trouxe para dentro do clube.

Que alimentos são servidos?

O cardápio servido aos jogadores de futebol e aos funcionários do Forest Green Rovers muda a cada fim de semana. São servidos alimentos como Q-Pie com Quorn até pizzas veganas, fajitas, saladas e batata-doce frita. O cardápio é planejado para nenhuma questão prejudicial aconteça e os atletas possam render o máximo possível.

Objetivos da equipe

Seguindo com o cardápio vegano, o Forest Green Rovers tem como objetivo chegar na segundo divisão inglesa dentro de quatro anos. A ideia é utilizar o esporte para passar a mensagem vegana ao público. Outra meta é a construção de um novo estádio, este erguido somente com a utilização de madeira.

Prêmios de sustentabilidade

Em março de 2018 o Forest Green Rovers venceu o Manchester City e o Lords Cricket Ground, para ficar com o prêmio Sustentabilidade no Esporte do Green Heart Hero, da Coalizão pelo Clima. Em 2013 venceram o Projeto de Transporte Verde, com o lançamento de uma frota de veículos sustentáveis.

Uniformes

O uniforme principal do Forest Green Rovers é todo verde fluorescente, com listras horizontais pretas na camiseta. O uniforme alternativo é preto, com detalhes em verde fluorescente. Já o terceiro uniforme tem calções e meião brancos, com a camiseta azul clara.

Títulos conquistados

Embora tenha disputado praticamente apenas competições amadoras de 16 de abril de 1889 quando foi fundado, até 2017, o Forest Green Rovers conta com diversos troféus na galeria. O primeiro deles veio em 1903, com a conquista da Liga Distrital. Enquanto o time dava os seus primeiros passos, em 1889 o Preston North End faturou o primeiro título do Campeonato Inglês.

A equipe ficou 12 anos sem erguer um troféu, até ganhar em 1912. O maior sucesso veio na década de 1930, com cinco conquistas. Em 2017 conquistaram o acesso para a quarta divisão, não com um título, mas vencendo o play-off, assim conseguiram pela primeira vez a participação em uma das principais divisões do futebol do país.

Comente!