Kingo Labs
Crimes que inspiraram filmes
Home » Vida de nerd » Filmes e Séries » Crimes que inspiraram filmes

Crimes que inspiraram filmes

O cinema é o lugar onde histórias ganham vida, seja trama de ficção ou baseado em fatos reais. Ao longo das décadas, diversas histórias foram adaptadas para as telonas, algumas delas inspiradas em crimes verdadeiros. Tem filme famoso nessa lista e com ator vencedor do Oscar.

Quer saber qual é? Confira uma lista com diversos longas deste estilo.

Melhores crimes que inspiraram filmes

História real que é bem contada no cinema acaba atraindo grandes públicos e premiações. Prenda-me se for capaz e Trapaça são ótimos exemplos.

A Sangue Frio (1967)

Um roubou malsucedido resultou em uma assassinato brutal contra um família. Então dois criminosos se entregaram a polícia, onde acabaram enfrentando a repercussão dos atos que haviam cometido e onde acabaram mortos. O filme recebeu diversas indicações, sendo quatro delas para o Oscar e uma para o Globo de Ouro, porém não venceu em nenhuma categoria.

Os bons companheiros (1990)

O filme foi baseado no livro Wisegui, escrito por Nichola Pileggi. A história mostra o crescimento de três gângsteres, se passando durante três décadas. O objetivo dos protagonistas era chegar ao topo da máfia. No elenco estão Robert De Niro e Ray Liotta, com direito a Oscar de ator coadjuvante para Joe Pesc e outras cinco indicações para a maior premiação do cinema.

Bully – Juventude Violenta (2001)

Um grupo de jovens conspiraram para matar um de seus colegas, já que o comportamento agressivo dele gerou diversos problemas. Bobby Kent era um homem norte-americano, morto em 1993 por sete pessoas, incluindo o seu melhor amigo. No cinema a história não fez muito sucesso, arrecadando US$ 1,4 milhão e tendo custado US$ 2,1 milhões.

Prenda-me se for capaz (2002)

A trama conta a história real de Frank Abagnale Jr., que antes dos 20 anos de idade já contava com milhões de dólares em suas contas bancárias. O dinheiro vinha de fraudes realizadas principalmente com a companhia aérea Pan Am, foi ainda médico e promotor de Justiça. Com direção de Steven Spielberg, Leonardo DiCaprio e Tom Hanks no elenco, só podia ser sucesso.

Monster: Desejo assassino (2003)

A trama é baseada na história real de Aileen Wuornos, uma prostituta de Daytona Beach, que depois passou a ser serial killer. Ela acabou morta em 2002, por ter sido culpada de sete assassinatos no fim da década de 1980 e começo de 1990. Foi um sucesso nas bilheterias, rendendo US$ 60 milhões e tendo custado somente US$ 8 milhões.

Dália Negra (2006)

Elizabeth Short era uma bela moça que desejava o sucesso como “Dália Negra”. Porém, antes de atingir o estrelato o seu corpo foi encontrado torturado e retalhado num terreno baldio em Los Angeles. A vida de dois investigadores desabou durante o caso. O elenco conta com Scarlett Johansson.

Alpha Dog (2006)

O filme conta a história do traficante de drogas Jesse James Hollywood. Ele foi um dos homens mais novos a entrar para a lista dos mais procurados pelo FBI. A trama envolve ainda sequestro por parte do protagonista, gerando mais uma condenação para o traficante. O principal nome do casting é Justin Timberlake, além de Bruce Willis como coadjuvante.

O gângster (2007)

Durante a década de 1970, um detetive trabalhava para acabar com os planos do traficante Frank Lucas. No fim o homem acaba sendo capturado e colabora com a polícia, ajudando a desmascarar policiais corruptos. A produção acabou sendo tachada por não ter seguido os fatos reais. O elenco tem Denzel Washington, Cuba Gooding Jr. e Russell Crowe.

Zodíaco (2007)

No começo da década de 1970 um cartunista de São Francisco se tornou detetive amador e foi em busca do assassino Zodíaco, que causava pânico na Califórnia, tendo matado diversas pessoas. É uma boa opção para quem gosta de Os Vingadores, já que o elenco tem Mark Ruffalo, que interpreta Huck e Robert Downey Jr, o Homem de Ferro.

Bronson (2008)

Depois de assaltar uma agência dos correios, um jovem acaba sendo condenado a sete anos de prisão, mas acaba ficando por três década na solitária. O homem era chamado Michael Peterson, depois seu alter-ego passou a ser Charles Bronson, considerado o prisioneiro mais perigoso da Grã-Bretanha. O personagem principal é interpretado por Tom Hardy.

VIPs (2010)

Tem filme brasileiro sim senhor. A trama mostra a história de Marcelo da Rocha, que desde pequeno gostava de imitar os outros. Ele chegou a ser considerado o maior impostor do Brasil, se passando pelo empresário Henrique Constantino, que seria irmão do dono da companhia aérea Gol. No papel principal tem Wagner Moura e o elenco conta com Juliano Cazarré e Amauri Jr.

Assalto ao Banco Central (2011)

Entre os dias 6 e 7 de agosto de 2005, criminosos levaram aproximadamente R$ 164,7 milhões do Banco Central do Brasil, em Fortaleza. As notas empilhadas chegariam a uma pilha de 33 metros. O casting traz Milhem Cortaz, Eriberto Leão, Giulia Gam, Lima Duarte, Cássio Gabus Mendes e Tonico Pereira. Quase 2 milhões de pessoas assistiram nos cinemas.

O homem de gelo (2012)

O filme conta a história de Richard Kuklinski, considerado um dos maiores assassinos de todos os tempos nos Estados Unidos, tendo mandado para baixo da terra mais de 200 pessoas. Acabou preso em 1986, quando a sua família não tinha ideia da profissão de Richard. A produção cinematográfica traz Chris Evans e James Franco.

Bling Ring: A gangue de Hollywood (2013)

Uma turma de jovens utiliza internet para encontrar a casa de famosos, com o objetivo de ter sucesso. Eles assaltam a casa das celebridades também em busca de dinheiro. A trama foi inspirada em fatos reais, sendo gravada logo após um artigo sobre o assunto ter saído na revista Vanity Fair.

Trapaça (2013)

A história do filme se passa no fim da década de 1970. O impostor Irving Rosenfeld e sua parceira de crimes Sydney Prosser são forçados a trabalhar para um agente do FBI, Richie DiMaso. Com Christian Bale, Bradley Cooper e Jennifer Lawrence, foi um sucesso de bilheteria, rendendo US$ 251,1 milhões, com orçamento de US$ 40 milhões. Foram dez indicações para o Oscar, com nenhuma vitória.