Kingo Labs
Grande Fratello
Home » Aleatórios » Big Brother em outros países

Big Brother em outros países

O Brasil Brother é um sucesso de audiência no Brasil há quase duas décadas, mas não é só aqui que o formato é bem-sucedido. Esse tipo de reality show ganhou espaço no mundo inteiro ao longo da última década. Edições foram vendidas para mais de 20 países. Onde o Big Brother ainda é exibido? Saiba mais sobre o reality em outros países.

Big Brother em outros países

O formato do Big Brother consiste em confinar pessoas desconhecidas em uma mesma casa ao longo de três meses, onde o público assiste e vota em quem deve ser eliminado. O público gosta de games deste tipo, não só no Brasil, como em diversos países, espalhados por todos os continentes.

Onde começou o Big Brother?

O formato Big Brother foi criado por John de Mol, em 1999. Ele é sócio da empresa Endemol e decidiu criar um reality show onde seriam selecionadas pessoas comuns, que deveriam conviver juntas por cerca de três meses. O nome do programa foi inspirado do livro 1984, de George Orwell. O nome foi traduzido em alguns países, mas não no Brasil.

A primeira edição foi ao ar na Holanda, em 1999, com o título Bart Spring in ‘t Veld. A partir de 2000 o formato começou a se expandir pelo mundo, chegando ao Reino Unido, Suécia e Alemanha, além de muitos outros países. Em nosso país, denominado Big Brother Brasil, BBB, foi ao ar somente em janeiro de 2002, mas continua sendo exibido anualmente até hoje.

Big Brother Brasil

O formato caiu no gosto dos brasileiros logo no primeiro ano. A recordista de paredões disputados é Ana Carolina, do BBB 9, mas ela acabou não ganhando. O campeão com maior aprovação foi Fael, que teve 92% em 2012. Ex-participantes viraram atrizes, políticos e apresentadores de televisão. O paredão entre Carolina, Elana e Paula, na 19ª edição, teve mais de 202 milhões de votos, recorde mundial.

Big Brother (Portugal)

O programa teve quatro edições exibidas pela TVI entre 2000 e 2003, sendo duas delas em 2001. Depois lançaram edições com famosos e em 2010 estreou o formato Secret Stroy – Casa dos Segredos, que seguiu até 2017. O Big Brother VIP foi exibido pela última vez em 2013 e teve o pintor Pedro Guedes como campeão.

Big Brother África

O Big Brother África teve oito edições realizadas. Envolvia 14 países: Angola, Botswana, Etiópia, Gana, Quénia, Malawi, Moçambique, Namíbia, Nigéria, África do Sul, Tanzânia, Uganda, Zâmbia e Zimbabwe, sendo que cada um deles tinha um representante por edição. Imagina a confusão dentro da casa, com cada participante falando um idioma.

Big Brother (Alemanha)

Outro país que manteve o nome original do reality show foi a Alemanha. Foram exibidas 11 edições de 2000 até 2011. A 5ª foi a mais longa da história, começando no dia 2 de março de 2004 e seguindo até 1º de março de 2005, ficaram 365 dias confinados. Essa edição gigante teve 59 participantes e o campeão foi premiado com 1 milhão de euros.

Gran Hermano (Argentina)

Nossos vizinhos conheceram este formato de reality show um ano antes do que nós. Foram exibidas sete edições de 2001 até 2012 e mais duas em 2015 e 2016. Em 2007 produziram uma com famosos. O ex-participante do Gran Hermano, Pablo Espósito, fez parte de um intercâmbio em 2007, que enviou Íris Stefanelli para a Argentina.

Gran Hermano España

Na Espanha o programa faz tanto sucesso quanto no Brasil. A primeira edição exibida pela Telecinco foi ao ar em 2000 e desde então só não foi exibido em 2012. Já foram concluídas 18 edições. Os vencedores das últimas temporadas ficaram com 100 mil euros.

Big Brother (Estados Unidos)

A versão norte-americana do reality show teve 20 temporadas exibidas por uma das maiores redes de televisão do país, a CBS. O prêmio é de 500 mil dólares. Não é exibido diariamente, sendo que a primeira temporada teve 70 episódios, enquanto os participantes ficaram confinados por 88 dias, na edição de 2018 foram 40 programas, com 99 dias de confinamento.

Big Brother Austrália

Os australianos tiveram entre 2001 e 2014 a versão própria do Big Brother. O programa teve 11 temporadas exibidas pelo canal Network Ten e TV 2, para a Nova Zelândia. O reality show não foi exibido entre 2008 e 2012 devido a críticas em relação ao conteúdo apresentado. O prêmio começou em 250 mil dólares australianos, chegando a 1 milhão nas temporadas de 2004, 2005 e 2006, depois voltou para o prêmio original.

Grande Fratello

A versão italiana do Big Brother é o Grande Fratello, exibido originalmente em 2000, segue até hoje, já com 16 edições. A partir de 2016 conta com edições envolvendo participantes famosos e prêmio de 100 mil euros. O vencedor do Grande Fratello 15 foi Alberto Mezzetti, que em 2019 esteve como convidado no BBB.

Big Brother Bulgária

Eles também poderiam ter adotado a sigla BBB. A versão original do Big Brother Bulgária foi exibida entre 2004 e 2015, com a exibição de cinco temporadas. Neste país teve uma edição do programa Big Brother Familiy, oito edições do VIP Brother e quatro edições do Big Brother All Stars, todas exibidas pelo canal NTV.

Pinoy Big Brother

Nas Filipinas foram três versões diferentes do Big Brother, totalizando oito temporadas. Pinoy é um termo coloquial para o povo filipino, por isso acabou sendo escolhido como título do programa. Estreou em 2005 e durou até 2010. A premiação chegou a 2 milhões de pesos no dinheiro local.

Outros países

O Big Brother foi exibido uma vez no Suriname (2011), na Colômbia (2003), Equador (2003), Eslováquia (2005), Rússia (2005), Nigéria (2006) e República Tcheca (2005). O reality show teve duas edições em países como Tailândia (2005 e 2006), Suíça (2001 e 2001) e Romênia (2003 e 2004).

Outras versões

O Big Brother África não foi o único que reuniu participantes de diferentes países. Suécia e Noruega tiveram em 2005 e 2006 o Big Brother da Escandinávia, o The Boss reuniu participantes do Oriente Médio em 2004 e não teve um final. Teve ainda o Gran Hermano del Pacífico, em 2005.

Comente!